Diário da Giornate 2014 #5 – a coleção do padre Joseph Joye

banner_diario_giornate_2014

No Diário da Giornate 2014 de hoje vou falar sobre a coleção de Joseph Joye, da qual veremos alguns títulos no festival deste ano.

josef_joye

O padre Joye (Desenho anônimo, 1920)

Joseph Joye (1852-1919) foi um padre suíço que, como muitas outras pessoas ligadas à Igreja, exibia placas de lanterna mágica e filmes com propósitos educativos. O que o diferencia da maior parte dos outros padres exibidores, é a dimensão de sua coleção. São centenas de títulos, que abrangem o período de 1905 a 1914. Não sabemos quais serão exibidos na Giornate, mas a coleção parece ter mais de 1000 curtas diferentes, de diversos gêneros como comédias, melodramas, travelogues, filmes de trucagem, contos de fadas, filmes coloridos etc.

A exibição em igrejas era comum no primeiro cinema. Muitos exibidores itinerantes tinham esses espaços como parceiros para a realização de eventos considerados educativos, como shows de lanterna mágica, de fonógrafo e, claro, de filmes. Os gêneros pelos quais as igrejas mais se interessavam eram travelogues (principalmente quando mostravam lugares considerados sagrados), filmes industriais e outros temas educativos e filmes bíblicos, como as paixões de cristo. No campo da ficção, os contos morais também faziam sucesso.

Além de ganhar uma porcentagem do lucro dos exibidores, as igrejas também podiam, dessa forma, tentar competir com o entretenimento barato que se espalhava pelos teatros comerciais, considerados por elas como imorais. Para motivar o público a optar pela Igreja, alguns padres americanos chegaram a oferecer, além dos filmes educativos, até comida de graça!

Essas relações entre a igreja e o cinema são muito interessantes porque nos chamam a atenção para a diversidade dos meios de exibição do primeiro cinema e para o esforço de diferentes grupos religiosos no sentido de influenciar o modo de recepção dos filmes no período.

Agora resta descobrir o que teremos a oportunidade de ver em outubro!

A sessão será realizada em comemoração dos 50 anos da AIRSC (Associazione Italiana per le Ricerche di Storia del Cinema). Olha só o convite:

airsc

A 33a. edição do festival Le Giornate del Cinema Muto começa neste sábado, dia 4! Como já disse, estarei lá aproveitando ao máximo a experiência. E, quando eu voltar para o Brasil, contarei tudo aqui no blog!

Para ver todos os posts que eu fiz sobre a Giornate 2013, é só acessar a série Diário da Giornate. Os posts sobre a Giornate 2014 estarão organizados na série Diário da Giornate 2014.

translate this blog