diário da Giornate – 40 quilos de Film Fair

Diário da Giornate

Mais um post com o meu relato da Giornate del Cinema Muto deste ano! Agora vou contar um pouco sobre a Film Fair, uma feirinha que é montada todo ano dentro do teatro onde acontece o festival.

IMG_20131008_111551

Lá ficam à venda muitos DVDs, livros e revistas especializadas. Eram quatro stands: um com as publicações da Giornate, que era o maior e onde as coisas eram mais baratas, um de uma editora italiana de DVDs (essa que está em primeiro plano na foto acima, Ermitage), um da John Libbey Publishing, com o próprio John Libbey, que aparentemente está lá todo ano, e uma última muito curiosa, de Camillo Moscati, que vendia desde fotos antigas até brinquedos do Tarzan!

Como aqui no Brasil é bem difícil de achar publicações sobre o cinema silencioso, a Film Fair era o paraíso pra mim! Gastei todo o meu dinheiro lá, o que me rendeu muita coisa boa para ler agora, mas muitos problemas para carregar a mala no trajeto de volta para casa…

Comprei algumas revistas…

IMG_20131018_144109

Alguns DVDs…

IMG_20131018_144322

E livros sobre assuntos diversos…

IMG_20131018_144245

Não vou mostrar tudo porque todos me achariam louca!!! :) Eu quis aproveitar a oportunidade de ter acesso a tantos livros (com bons descontos!). Mas o peso foi realmente um problema pra mim. Na volta minha mala pesava 40 quilos e eu tive que carregar tudo sozinha pelas intermináveis escadas das estações de trem. Claro que a alça da mala quebrou e o trajeto foi uma odisseia! Mas deu tudo certo no final e o que importa é que agora eu tenho um monte de coisas novas para ler! :)

Do lado da Film Fair, ficavam alguns computadores que os convidados da Giornate podiam usar:

IMG_20131008_111529

Bom, por enquanto é isso! Só queria mesmo mostrar como era, hehe! No próximo post vou falar sobre a sessão de abertura do festival, que foi a exibição de “Blancanieves”, um filme silencioso contemporâneo. Rolou uma grande polêmica por causa do uso que o filme faz de touros (grande parte da estória do longa é dedicada a touradas). Explicarei tudo no próximo relato!

translate this blog

Anúncios

Uma resposta

  1. Conta desse “screening the poor” quando vc assistir :) e dos filmes da Nova Zelandia!
    e volta aqui pra contar da sessão de abertura, por favor.. hehehe

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s